Expansão do backbone da redeUFSC com tecnologia ATM

Em 1995 é iniciado o projeto de expansão do backbone da redeUFSC utilizando a tecnologia ATM (Asynchronous Transfer Mode). A nova expansão possuía capacidade de 155 Mbps, um grande avanço comparados aos 100 Mbps disponibilizados pela tecnologia FDDI  e aos 10 Mbps da rede Ethernet previamente instaladas. A redeUFSC passou a trabalhar simultaneamente com as tecnologias Ethernet, FDDI e ATM, para isso utilizou o IBM 8260 Nways Multiprotocol Switching Hub, proporcionando um caminho de migração suave para mídias compartilhadas nas redes de alta velocidade.

A rede possuía então capacidades de 155, 100 e 10 Mbps via as tecnologias de enlace ATM, FDDI e Ethernet, respectivamente, sendo que a mesma operava com protocolos IP sobre Lan Emulation, IP sobre FDDI e IP sobre Ethernet.